Fechar

MENU

logo

Cronograma capilar: o que eu preciso para montar o meu?

17 de junho de 2021

Modelo sorrindo com o indicador no rosto demonstrando expressão de dúvida em como montar o cronograma capilarO cronograma capilar ficou muito famoso há algum tempo e já integra a lista de cuidados com os cabelos de muitas pessoas. Embora seu nome pareça ser de um procedimento extremamente profissional ou feito somente em salão, a boa notícia é que o cronograma capilar pode ser feito de forma caseira, sem a necessidade de produtos caros ou equipamentos de uso exclusivo de cabeleireiros.

Apesar disso, é comum encontrar pessoas com dúvidas sobre o cronograma capilar, como escolher o cronograma correto e suas vantagens para a saúde dos cabelos. Por esse motivo, esse texto reúne informações valiosas para quem deseja melhorar o aspecto e textura dos cabelos, bem como a saúde dos fios, sejam eles crespos, cacheados, ondulados ou lisos, danificados ou saudáveis.

E esta rotina de cuidados pode ser feita de forma caseira com os produtos corretos e também no salão, de forma profissional e mais potencializada.

O que é Cronograma Capilar

O cronograma capilar é uma rotina de cuidados em que três procedimentos devem ser realizados, sendo eles:

Hidratação:

É uma parte essencial do cronograma capilar, para qualquer tipo de fio, desde os mais saudáveis até os extremamente danificados. É o procedimento que devolve a água aos fios, retomando o brilho e o toque sedoso dos cabelos. Obviamente, o cuidado deve ser feito constantemente, podendo ser repetido até duas vezes durante a semana do cronograma escolhido.

Para isso, o investimento em máscaras concentradas é muito válido, e sua aplicação pode ser feita durante a sua rotina de higienização dos fios. É indicado sempre ler o modo de usar daquele produto, respeitando o tempo estipulado no frasco do creme, e seguir as orientações da aplicação para garantir uma hidratação prolongada.

Para que seu poder hidratante seja ainda mais potente, é possível aumentar o efeito com a hidronutrição. Isto é, adicionar algum óleo vegetal puro à máscara concentrada de hidratação. Para escolher um bom creme, é recomendado preferir produtos que contenham diversos componentes hidratantes e vitaminas para o cabelo.

Nutrição:

A nutrição capilar é o procedimento responsável por realimentar os nutrientes do cabelo, repondo os lipídios e as propriedades perdidas naturalmente. Os componentes dos produtos para nutrição capilar costumam conter óleos, manteigas vegetais e são, em sua maioria, misturados a elementos hidratantes.

Por esse motivo, é altamente recomendado para cabelos que tenham passado por processos químicos. Para os cabelos crespos e cacheados, que perdem água e nutrientes com maior facilidade, a fase de nutrição capilar é extremamente importante, como já falamos nesta matéria.

Para fazer a etapa de nutrição em casa, você pode utilizar uma máscara concentrada rica em óleos e manteigas vegetais ou utilizar a mesma máscara concentrada da etapa de hidratação e potencializar com óleos vegetais. Além disso, a umectação também é um procedimento muito indicado, desde que feito com óleo vegetal puro. Para este tipo de aplicação, basta massagear os fios com o óleo de preferência em toda a extensão dos fios, desde o couro cabeludo até as pontas.

É essencial que o óleo tenha seu tempo de ação nos fios por, pelo menos, duas horas. Após o procedimento, é preciso lavar os cabelos e retirar todo o excesso do óleo, sem esfregar os fios.

Reconstrução:

Nesse caso, o foco é a recuperação do fortalecimento dos fios, a reposição de proteínas e a diminuição de quebra. O procedimento de reconstrução capilar pode ser feito de duas formas: com o uso de máscaras concentradas para reconstrução ou a partir da aplicação de queratina líquida.

Usando a máscara de reconstrução rica em proteínas, o passo a passo é bem simples, idêntico à hidratação regular feita na primeira fase. Porém, com a queratina líquida, o cuidado é um pouco maior: após a lavagem dos fios somente com shampoo, e ainda úmido, a queratina deve ser borrifada nas pontas e no prolongamento dos fios. É recomendado evitar a raiz dos cabelos.

A queratina deve agir por apenas 10 minutos. Se quer fazer uma reconstrução ainda mais potente, basta aplicar uma máscara com a mesma finalidade, sem enxaguar a queratina dos fios, deixando agir por 5 minutos e enxaguando em seguida. Caso você não abra mão dos produtinhos do BN, você pode substituir a queratina líquida pelo nosso concentrado de proteínas e seguir este mesmo processo.

É necessário prestar atenção na frequência com que a reconstrução é feita pois o excesso de queratina nos fios pode ser prejudicial. Portanto o cuidado deve ser repetido uma vez por semana, para cabelos muito prejudicados, ressecados e opacos. Entretanto, se o aspecto do cabelo melhorar, deve-se aumentar o intervalo para duas semanas.

Esta frequência também é recomendada para cabelos não muito danificados ou secos, pois evita que a queratina seja usada em excesso e prejudique a estrutura dos fios. Já para os cabelos saudáveis, que não passaram por química ou não sofrem influência de fontes de calor, a reconstrução é indicada uma vez ao mês.

Testes importantes para escolher um cronograma capilar

Antes de iniciar o seu cronograma capilar é super recomendado fazer um teste de porosidade, para que saiba identificar as necessidades do seu fio e assim, consiga planejar o cronograma ideal para o seu cabelo.

Confira a seguir o que você precisa para fazer este teste corretamente:

• Um copo com água até a metade;
• Alguns fios de cabelo lavados e que ainda não tenham o creme de pentear aplicado.
Coloque os fios de cabelo dentro da água e aguarde cerca de 10 minutos. Verifique se os fios continuam no meio do copo, se boiaram ou se afundaram completamente.

Para o caso de fios no fundo do copo: alerta de alta porosidade. O indicado mostra que as cutículas dos fios estão abertas, proporcionando perda de nutrientes e aparência opaca. O seu cabelo está precisando de mais reconstrução.

Para o caso de fios boiando: fios boiando indicam cutículas muito seladas, ou seja, o cabelo não consegue absorver nutrientes; Neste caso, os fios precisam de mais hidratação.

Para o caso de fios no meio do copo: como um dos resultados mais esperado, fios no meio do copo indicam que as cutículas não estão muito seladas e nem totalmente abertas. Isto é, o cabelo está perfeitamente saudável. No entanto, precisam de cuidados para se manterem assim e você pode investir um pouco mais na etapa de nutrição.

E além do teste de porosidade, temos também o teste do toque. Veja:

• Puxe um fio pela ponta e observe como ele quebra. Se romper facilmente ou ficar com aspecto elástico, a indicação é mais nutrição e reconstrução.

• Alta porosidade: os cabelos com alta porosidade não seguram os efeitos da hidratação por muito tempo, justamente por suas cutículas estarem completamente abertas. Neste caso, é recomendado começar pela reconstrução, para repor massa e queratina em sua estrutura. Após a reconstrução, é liberado proceder à nutrição e hidratação;

• Média porosidade: apesar de parecerem saudáveis, os fios com média porosidade podem passar pela nutrição e reconstrução como primeiros procedimentos do cronograma capilar. A hidratação pode ficar como último tratamento;

• Baixa porosidade: com as cutículas completamente fechadas, os fios não conseguem absorver os componentes do tratamento. Ou seja, é válido investir, primeiramente, na hidratação. Dessa forma, aumenta-se a reposição de água do fio, facilitando a absorção de nutrientes perdidos.

Em nosso serviço exclusivo, o bn.CRONO, a avaliação capilar é realizada junto por uma especialista em cachos e crespos, para que a cliente possa entender como está a porosidade, elasticidade, vitalidade, opacidade, entre outros, do fio e a partir disso indicarmos o melhor cronograma de acordo com o que foi identificado.

Entendendo a estrutura de um cronograma capilar

Agora que já entendemos as etapas do cronograma capilar, a importância de cada uma delas e como identificar as necessidades do fio, vamos te mostrar como montar o seu próprio cronograma capilar! A agenda do cronograma funciona da seguinte forma:

  • 2 dias da semana são escolhidos;
  • Em cada um deles, um procedimento diferente é realizado;
  • É indicado que os procedimentos não se repitam em dias seguidos.

Não importa a textura e tipo dos fios, a quantidade escolhida de dias por semana pode ser a mesma. A dica essencial para um bom cronograma capilar é a escolha da ordem dos tratamentos, pois nem todos os cabelos são iguais.

A ordem dos procedimentos do cronograma capilar

Boa parte dos cronogramas capilares destacam a importância de o cabelo receber hidratação antes de ser nutrido ou reconstruído. Por seu poder de devolver água aos fios, a hidratação facilita o transporte e absorção de outros nutrientes essenciais para os cabelos.

Porém, é possível que o cabelo esteja hidratado, e ainda assim não nutrido ou bem reconstruído. Por isso, insistir na hidratação semanal pode acarretar em oleosidade e peso excessivo nos fios, sobrecarregando suas cutículas. Dessa forma, o cronograma pode perder toda a sua eficácia, pois a hidratação em excesso dificulta o recebimento de nutrientes pelos fios.

A ordem dos tratamentos do cronograma capilar deve ser decidida a partir do teste de porosidade ou do teste do toque. Com isso, você conseguirá identificar o aspecto do seu fio e saberá escolher o melhor cronograma para seus cabelos.

Em nosso serviço profissional bn.CRONO, os procedimentos terão um intervalo de 10 dias, totalizando 45 dias totais para realização do pacote. Em cada dia uma das etapas é feita nos fios da cliente, recebendo assim os nutrientes necessários para recuperar os cabelos. O intervalo entre uma aplicação e outra é muito importante para que os resultados possam ser vistos pela avaliadora e pela cliente

Modelo sorrindo com a mão no cabelo.

Aprenda a montar um cronograma capilar

Para seguir com o seu cronograma capilar, após realizar todos os testes indicados acima, é necessário se atentar às necessidades nutritivas dos fios. Confira abaixo quais são os cronogramas capilares para cada tipo de cabelo, de acordo com seu estado e porosidade. O ideal, é analisar profundamente se o seu cabelo se encaixa nas definições antes de iniciar o cronograma escolhido.

1. Cronograma capilar para cabelos extremamente danificados: ressecados, secos, opacos ou que passaram por procedimentos químicos:

– Primeira semana: reconstrução e hidratação;
– Segunda semana: nutrição e reconstrução;
– Terceira semana: hidratação e reconstrução;
– Quarta semana: nutrição e hidratação.

2. Cronograma capilar para cabelos pouco danificados, ou seja, com algumas pontas ressecadas e opacidade nos fios.

– Primeira semana: nutrição e reconstrução:
– Segunda semana: hidratação e nutrição;
– Terceira semana: nutrição e hidratação;
– Quarta semana: nutrição e reconstrução.

3. Cronograma capilar para cabelos que não tenham passado por nenhum tipo de química, agressão externa ou coloração:

– Primeira semana: hidratação e nutrição;
– Segunda semana: hidratação e nutrição;
– Terceira semana: hidratação e nutrição;
– Quarta semana: hidratação e reconstrução.

Apesar de precisar de poucos procedimentos para ser saudável, o cabelo sem química precisa seguir um cronograma capilar para que haja a prevenção contra agressões, como:

  • Poluição;
  • Raios solares;
  • Excesso de lavagens;
  • Fios quebradiços por atrito com elásticos de cabelo, presilhas, etc.

Agora, veja dicas fundamentais para dar continuidade ao seu cronograma capilar, hoje mesmo:

• As máscaras de hidratação devem permanecer no cabelo pelo tempo indicado pela fabricante. Ultrapassar os minutos descritos na embalagem pode trazer malefícios para o cabelo, como queda e caspa;

• Ao seguir um cronograma capilar, é importante proteger o cabelo contra as agressões de fontes de calor, como: secadores, pranchas de alisamento e babyliss, seja evitando seu uso ou utilizando termoprotetores;

• Cabelos extremamente prejudicados podem necessitar de umectação com óleos vegetais, em sua versão mais pura, sem adição de silicone. Este tipo de umectação pode ser feito tanto em cabelos lisos ou ondulados como em crespos e cacheados. A dica é controlar sempre a quantidade aplicada, para evitar que se forme acúmulos de oleosidade no couro cabeludo.

Detalhes fundamentais sobre o cronograma capilar e tipos de cabelo

1. Para fios ondulados, a indicação é fazer a etapa de nutrição sem receios. Para evitar que os fios fiquem pesados ou com aspecto sujo, a recomendação é investir em máscaras mais leves com óleos em sua composição, como o óleo de coco. Se preferir utilizar óleo puro, a dica é não passar na área da raiz, somente nas pontas dos fios;

2. Para cabelos cacheados e crespos, a umectação é o primeiro passo a se considerar. A reposição de lipídios feita com óleo desde a raiz até as pontas, devolve brilho aos cabelos. Sua ação deve ser por, pelo menos, 2 horas;

3. Explore as opções de máscara de hidratação oferecidas, atualmente, em lojas especializadas no seu tipo de cabelo. Enquanto a nutrição e reconstrução necessitam de componentes específicos, a hidratação confere maior liberdade para escolher cremes que ofereçam novas tecnologias de tratamento.

Componentes indicados para o cronograma capilar

Veja a lista completa de produtos indicados para a fase de hidratação capilar:

  • Glicerina Vegetal ou Glicerina;
  • Álcoois modificados, sendo Cetyl Alcohol e Cetearyl Alcohol;
  • Extratos naturais, com nomes de plantas e vegetais;
  • Panthenol e Aloe Vera;
  • Derivados do açúcar.

Confira a lista completa de produtos indicados para a fase de nutrição capilar:

  • Óleos e manteigas vegetais, podendo levar o nome de: Avocado Oil ou Shea Butter;
  • Manteiga de murumuru;
  • Manteiga de abacate;
  • Manteiga de cacau;
  • Óleo de oliva;
  • Manteiga de tutano;
  • Óleo de coco;
  • Óleo de ojon;
  • Óleo de cupuaçu.

Veja abaixo quais são os principais componentes para a fase de reconstrução capilar:

  • Creatina;
  • Queratina;
  • Arginina;
  • Colágeno;
  • Cisteína.

E aí, gostou de aprender como montar o seu cronograma capilar? Esperamos que a gente tenha conseguido tirar todas as suas dúvidas. Não esqueça de passar na nossa loja e conhecer nossos produtinhos, pois eles vão te ajudar muito a seguir todos os passos que aprendeu nesta matéria.

Confira também nosso serviço bn.CRONO que realiza um cronograma capilar profissional e completo nos seus fios e leia mais sobre os nossos tratamentos para ficar por dentro de como ela age no seu fio!

Conta pra gente: você tem mais alguma sugestão ou dica sobre como montar seu cronograma? Conta como você faz o seu pra nós nos comentários, vamos amar saber! Um beijo enorme e nos vemos nos próximos textos!


Tags


Os posts mais lidos

Siga o Beleza Natural

institutobelezanatural

Fique por dentro!

Cadastre-se e receba novidades, promoções e informações em primeira mão